<body bgcolor="#000000" leftmargin="0" topmargin="0" rightmargin="0" bottommargin="0" marginwidth="0"><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5805460\x26blogName\x3dLife+would+be+so+wonderful+if+we+only...\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://womanofaffairs.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3den_US\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://womanofaffairs.blogspot.com/\x26vt\x3d2451192399324840577', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
Herr och fru Stckholm
En Lyckoriddare
Konsum Stockholm Promo
Luffarpetter
Gösta Berlings saga
Die Freudlose Gasse
Torrent
The Temptress
Flesh and the Devil
Love
The Divine Woman
The Misteryous Lady
A Woman of Affairs
Wild Orchids
The Single Standard
The Kiss
Anna Christie
Romance
Inspiration
Love Bussiness
Susan Lennox
Mata Hari
Grand Hotel
As you desire Me
Queen Cristina
The Painted Veil
Anna Karenina
Camille
Conquest
Ninotchka

Image hosting by Photobucket

09/01/2003 - 10/01/2003
06/01/2004 - 07/01/2004
07/01/2004 - 08/01/2004
08/01/2004 - 09/01/2004
09/01/2004 - 10/01/2004
10/01/2004 - 11/01/2004
11/01/2004 - 12/01/2004
12/01/2004 - 01/01/2005
01/01/2005 - 02/01/2005
02/01/2005 - 03/01/2005
03/01/2005 - 04/01/2005
04/01/2005 - 05/01/2005
05/01/2005 - 06/01/2005
06/01/2005 - 07/01/2005
07/01/2005 - 08/01/2005
08/01/2005 - 09/01/2005
09/01/2005 - 10/01/2005
10/01/2005 - 11/01/2005
11/01/2005 - 12/01/2005
12/01/2005 - 01/01/2006
01/01/2006 - 02/01/2006
02/01/2006 - 03/01/2006
03/01/2006 - 04/01/2006
04/01/2006 - 05/01/2006
05/01/2006 - 06/01/2006
06/01/2006 - 07/01/2006
07/01/2006 - 08/01/2006
08/01/2006 - 09/01/2006
09/01/2006 - 10/01/2006
10/01/2006 - 11/01/2006
11/01/2006 - 12/01/2006
12/01/2006 - 01/01/2007
01/01/2007 - 02/01/2007
02/01/2007 - 03/01/2007
03/01/2007 - 04/01/2007
04/01/2007 - 05/01/2007
05/01/2007 - 06/01/2007
06/01/2007 - 07/01/2007
07/01/2007 - 08/01/2007
08/01/2007 - 09/01/2007
09/01/2007 - 10/01/2007
10/01/2007 - 11/01/2007
11/01/2007 - 12/01/2007
12/01/2007 - 01/01/2008
01/01/2008 - 02/01/2008
02/01/2008 - 03/01/2008
03/01/2008 - 04/01/2008
04/01/2008 - 05/01/2008
05/01/2008 - 06/01/2008
06/01/2008 - 07/01/2008
07/01/2008 - 08/01/2008
08/01/2008 - 09/01/2008
09/01/2008 - 10/01/2008
10/01/2008 - 11/01/2008
11/01/2008 - 12/01/2008
12/01/2008 - 01/01/2009
02/01/2009 - 03/01/2009
03/01/2009 - 04/01/2009
07/01/2009 - 08/01/2009
08/01/2009 - 09/01/2009








website stats

Monday, February 18, 2008

 
Classificando a humanidade

As meninas do trabalho e eu chegamos a uma conclusão muito importante sobre as relações interpessoais: em matéria de relacionamento só existem 3 tipos de cerumanos para cada sexo.

-As mulheres:

Inhas - são meninas cor-de-rosa, fofinhas, fresquinhas, gracinhas, meiguinhas, queridinhas e mais um monte de adjetivos no diminutivo. O que elas fazem entre 4 paredes não é problema meu, mas é aquele tipo de menina pra quem se olha e pensa "essa daí só faz papai-e-mamãe e tem medo de pegar em pau". Elas fazem tudo comedidamente, risos meigos e abafados. Regina e Gabriela Duarte, Sandy e mais outras podem ser os ícones delas.

Putonas - desnecessário comentar. São devoradoras de homens e tão na pista pra negócio mesmo. Sabem quem querem e como vão conseguir. Não tão muito aí pra relacionamento, mas se aparecer e elas interessarem, topam, mas ele vai ter que aguentar o ritmo dela. Ou rua, porque não tem tempo ruim pra Putona e todo dia é dia.

Onas - essas são a definição perfeita de mulherão. Não porque são altamente gostosas, mas porque sabem o que ser mulher significa em todos os aspectos. São as que não têm medo de serem independentes e pra quem ter alguém é pra tornar a vida melhor, não é uma necessidade vital. É aquela que, mais geralmente, vira a amiga com benefícios, porque é uma pessoa sensacional e ainda por cima, não é horrenda. Como diz uma amiga: assim como os homens preferem as loiras, mas se casam com as morenas, eles querem as Onas, mas só têm culhões pras Inhas.

Os homens:

Inhos - é aquele menino fofo que te faz companhia, com quem é uma delícia conversar e sair descompromissadamente. Até que um dia, você fica com o moço. E não é ruim, é só quele é muito, muito, muito carinhoso. Quando beija, parece que tá escolhendo nêspera e precisa ter um cuidado louco. Ou seja, ele é uma fofura, mas não acende a fogueira.

Ões - bem resolvidos, divertidos, agradáveis e mandam bem. Em todos os sentidos. O Ão é o potencial homem da tua vida. Porque se tiver afim, mesmo, ele vai te assumir e ignorar o que qualquer um eventualmente pensar. Ele sabe o que quer e quando acha dificilmente deixa escapar.

Putões - esses são so potenciais homens da nossa vida. Mas ele não vale nada, só que ele sabe fazer e joga limpo contigo. Contigo e com todas as outras. E mesmo que você se envolva com um desses (e você vai se envolver) as coisas serão uma delícia e ele sempre vai deixar bem claro pra você o que está acontecendo que se algum outro fator mudar as regras, é hora de conversar tudo de novo. Ele é charmoso, dá assistência, liga quando diz que vai ligar e ainda te leva à lua como poucos farão. E do mesmo jeito que ele entra na tua vida, sai. Você vai sentir falta, claro, mas nunca vai conseguir ter raiva de putão true.

Observação importante:

Existe um monte de pessoas que é de um grupo, mas finge ser de outro pra causar. Com as mulheres, o pior tipo é a Putona que posa de Inha, porque ela vai pregar uma monogamia no relacionamento dela que não jamais existirá. Putonas são predadoras e precisa de muito pra sossegar uma. Entre os homens, o pior é o Inho pagando de Putão. Porque ele não sabe se relacionar e fica numas de cativar as moças pra depois arrumar uma desculpa qualquer para sumir. Ele acha que está sendo sincero, mas, na real, é só um grande mané.
 

Greta Garbo, quem diria, foi parar no Irajá as 11:34 AM