<body bgcolor="#000000" leftmargin="0" topmargin="0" rightmargin="0" bottommargin="0" marginwidth="0"><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5805460\x26blogName\x3dLife+would+be+so+wonderful+if+we+only...\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://womanofaffairs.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3den_US\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://womanofaffairs.blogspot.com/\x26vt\x3d2451192399324840577', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>
Herr och fru Stckholm
En Lyckoriddare
Konsum Stockholm Promo
Luffarpetter
Gösta Berlings saga
Die Freudlose Gasse
Torrent
The Temptress
Flesh and the Devil
Love
The Divine Woman
The Misteryous Lady
A Woman of Affairs
Wild Orchids
The Single Standard
The Kiss
Anna Christie
Romance
Inspiration
Love Bussiness
Susan Lennox
Mata Hari
Grand Hotel
As you desire Me
Queen Cristina
The Painted Veil
Anna Karenina
Camille
Conquest
Ninotchka

Image hosting by Photobucket

09/01/2003 - 10/01/2003
06/01/2004 - 07/01/2004
07/01/2004 - 08/01/2004
08/01/2004 - 09/01/2004
09/01/2004 - 10/01/2004
10/01/2004 - 11/01/2004
11/01/2004 - 12/01/2004
12/01/2004 - 01/01/2005
01/01/2005 - 02/01/2005
02/01/2005 - 03/01/2005
03/01/2005 - 04/01/2005
04/01/2005 - 05/01/2005
05/01/2005 - 06/01/2005
06/01/2005 - 07/01/2005
07/01/2005 - 08/01/2005
08/01/2005 - 09/01/2005
09/01/2005 - 10/01/2005
10/01/2005 - 11/01/2005
11/01/2005 - 12/01/2005
12/01/2005 - 01/01/2006
01/01/2006 - 02/01/2006
02/01/2006 - 03/01/2006
03/01/2006 - 04/01/2006
04/01/2006 - 05/01/2006
05/01/2006 - 06/01/2006
06/01/2006 - 07/01/2006
07/01/2006 - 08/01/2006
08/01/2006 - 09/01/2006
09/01/2006 - 10/01/2006
10/01/2006 - 11/01/2006
11/01/2006 - 12/01/2006
12/01/2006 - 01/01/2007
01/01/2007 - 02/01/2007
02/01/2007 - 03/01/2007
03/01/2007 - 04/01/2007
04/01/2007 - 05/01/2007
05/01/2007 - 06/01/2007
06/01/2007 - 07/01/2007
07/01/2007 - 08/01/2007
08/01/2007 - 09/01/2007
09/01/2007 - 10/01/2007
10/01/2007 - 11/01/2007
11/01/2007 - 12/01/2007
12/01/2007 - 01/01/2008
01/01/2008 - 02/01/2008
02/01/2008 - 03/01/2008
03/01/2008 - 04/01/2008
04/01/2008 - 05/01/2008
05/01/2008 - 06/01/2008
06/01/2008 - 07/01/2008
07/01/2008 - 08/01/2008
08/01/2008 - 09/01/2008
09/01/2008 - 10/01/2008
10/01/2008 - 11/01/2008
11/01/2008 - 12/01/2008
12/01/2008 - 01/01/2009
02/01/2009 - 03/01/2009
03/01/2009 - 04/01/2009
07/01/2009 - 08/01/2009
08/01/2009 - 09/01/2009








website stats

Monday, March 19, 2007

 
Pega aqui na minha espiadinha*

Eu super brochei de BBB, né? Essa coisa de quererem uma nova Miss Grazi desde Maripolvo me cansou deveras. Tiöp, não vai acontecer, Dona Lili, a Miss Grazi taí até hoje, porque ela foi ela mesma no BBB. Eu sempre dizia que o Jean que a gente viu na TV não era ele; conheço ontelecutal, nenhum é bonzinho assim. Ele mereceu ganhar porque soube criar uma persona que convenceria o Brasil a votar nele. Ponto pro rapaz.

O BBB6 foi a pior edição ever. A única cousa boua era o Rafa, mas ele rodou. Alilás, esse é um traço da minha personalidade: eu sempre torço pros sem chance, incrível. Acompanhe:

BBB1 - Adriano
BBB2 - Esse era tão sem sal qu eue nem tinha favorito.
BBB3 - eterno Jean Massumi
BBB4 - Esse foi um do melhores, com a Mamma tocando o puteiro. Melhores. Barracos.
BBB5 - Eu gostava do grupo do Dr Gê muito mais porque era gente que sabia que aquilo era jogo e não uma competição de quem é mais pábre. A Pink me irritou o programa inteirinho. Puta mulherzinha NOJENTA.
BBB6 - A edição mais chata de todos os tempos, mas tinha o Rafa.

E nesse último eu comecei gostando do Aleminho e, hoje em dia, acho que o Cowboy merece muito mais. Porque o cara tá jogando LIMPO; porque ele soube eliminar um a um os "mais fortes" de forma honesta. Ele não vai ganhar nada, mas eu acho que ele foi um dos melhores estrategistas. Se ele não tivessse brochado no meio do programa, se não tivesse ganhado uma implicância que eu super não entendo, era forte candidato. Uma pena que as pessoas acham que Bigue bróder é concurso de popularidade e não de um jogo de estratégia.

Mas eu parei de ver, né? Eu fiquei enjoadinha de uma série de coisas. Especialmente com quererem comparar a desenxabida, mentirosa, golpista e falsa da crustácea com a Miss Grazi. Isso quebrou meu coração.


*Porque eu super cito as pessoas. E super concordo com elas.
 

Greta Garbo, quem diria, foi parar no Irajá as 2:32 PM



Thursday, March 15, 2007

 

True Swedish Black Metal.


Muitas pessoas têm essa idéia da Suécia como uma Disney Land da liberação sexual, mas existe muito mais. Tem o Hotel de gelo que serviu de cenário a 007 – Um Novo Dia Para Morrer, mas também é produtora de umas bandas sensacionais. ABBA, Ace of Base, A Camp, The Cardigans e Roxette provam o ponto.

ABBA é um acrônimo das iniciais do nome dos integrantes da banda: Agneta, Benny, Björn e Anna-Frid – a Frida. A banda nasceu no início dos anos 70 e ganhou o topo das paradas britânicas com o single Waterloo em 1974 e vendem discos até hoje, já são mais de 300 milhões vendidos. Todo mundo conhece pelo menos uma música deles, os caras são o sucesso em casamentos, happy hours, revivals e comemorações afins. É pop, é dançante e é bonitinho. Fell the beat from the tambourine...

O Ace of Base fazia um sucesso danado nas matinês dos anos 90. O grupo formado por Ulf Ekberg e os irmãos Jonas, Linn e Jenny Berggren tinha esse nome porque eles se achavam ases da situação e o estúdio funcionava como uma base militar, além de poucas pessoas lembrarem o nome anterior da banda, que era Tech Noir (como uma boate em O Exterminador do Futuro). O maior hit do Ace of Base por aqui era a dance-pop All That She Wants, praticamente todas as pessoas entre 25 e 30 anos dançaram muito ao som disso, esperando a música lenta para chegar na gatinha nos hi-fis por aí.

The Cardigans nasceu no ínicio dos anos 90 por iniciativa de Magnus e Peter (curiosamente, os dois eram entusiastas de heavy metal, que, aliás, é algo muito popular na Suécia), que juntaram Bengt, Lars e Nina e viviam todos num apartamentinho micro até receberem oferta de gravadora. O sucesso só veio mesmo com o segundo trabalho: Life e graças ao reconhecimento internacional, o primeiro album foi relançado no mercado. O mais curioso é que a banda ficou famosa pela grudentinha Lovefool e, quando se ouve o trabalho deles, nota-se claramente que aquilo foi uma exceção na discografia. E a voz da Nina te mata nas músicas tristes e te coloca um sorrisinho de canto de boca nas mais alegres. I raise my head and whisper rise and shine.

Marie e Per quebraram tudo durante anos, atendendo pelo nome de Roxette. Os dois se conheceram no fim dos anos 70, quando já eram artistas consolidados na Suécia, ela participou de uns shows da banda em que ele tocava, após várias participações de um nos projetos do outro, finalmente, em 1995, saiu o primeiro album deles. E, com o tempo, o Roxette lotou estádios nos cinco continentes com a mistura de baladinhas doces e meigas com umas pancadarias dançantes. Provavelmente, era por It Must Have Been Love que você esperava pra chegar na gatinha do hi-fi.

A Camp é o projeto solo da Nina Persson, do Cardigans. A banda é recente e não tem a mesma dinâmica de um grupo regular, exatamente porque a Nina só se dedica quando nos intervalos do "emprego". Com influência country e músicas indo do clima fundo do poço ao bom e velho rock'n'roll, o primeiro -e até agora único – cd deles não cansa. Muito pelo contrário, só te faz querer ouvir mais. Para uma situação colônia de férias da Nina e do marido o resultado é bem acima do que se esperaria e – corre pela central oficiosa de boataria – teria insipirado o album Long Gone Before Daylight do Cardigans.

Essas cinco bandas são um argumento e tanto contra aqueles chatos que insistem em dizer que na Suécia não existe nada além de loiras peitudas ninfomaníacas e bandas de metal. Tem sim, tem muita música boa, seja para se acabar de dançar, seja para ficar coladinho ou para curtir uma fossa. Se o esquema é música pop de boa qualidade, pode ir numa dessas e ser feliz. Não tem erro, gente boa.

 

Greta Garbo, quem diria, foi parar no Irajá as 11:06 AM



Friday, March 09, 2007

 
Porque platonismo é legal, mas o bom mesmo é interagir.

-adivinha o que eu vou fazer agora?
-me matar de inveja? dormindo
-vou dormir sim. com dona vovó, que achou bonito ligar o ar e eu, que de boba tenho só a cara, já me instalei no quarto dela. (porque ela é hype e tem computadô)
-po, estava prestes a clamar por ti, ia dizer que estou com sono, com saudades, carente e não consigo dormir, mas eu sei que vc nada pode fazer.
 

Greta Garbo, quem diria, foi parar no Irajá as 12:02 AM



Friday, March 02, 2007

 
Senta que lá vem a história.

Tem um tempinho, eu tava no elevador e vi aquele menino LEENDO. Tiöp LEENDO e variação do meu tema. Eu estava com algum do calégas de silvisso e sendo meu eu sem noção. Ele desceu no mesmo andar que eu e foi pro outro lado. Rolaram umas troquinhas de olhar muito de levinho e ele até sorriu de uma ou duas besteiras que eu falei.

Hoje, hora do almoço, tou eu esperando o povo (ia rolar rum almoção coletivo da garële), quem surge vindo do fim do corredor? ELE. JEMT, eu devo ter GE-LA-DO e ficado azul, anis, cor de rosa, carvão, lilás, amarelo e púpura de bolinhas verde-limão. Puta merda, eu tenho 15 anos.
 

Greta Garbo, quem diria, foi parar no Irajá as 2:17 PM